quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

2016: alvorecer

O inominável 2015 já se despede desses habitantes terrestres sem rumo, 
que somos nós.
Que nessa despedida 2015 possa levar consigo todas as tragédias da qual foi palco, 
todos os horrores dos quais foi testemunha, 
todos os sofrimentos da existência humana absurda que teimamos em perpetuar. 



Um comentário:

  1. O Natal se aproxima...

    As luzes cada vez mais brilham nas ruas...

    Que no Natal a maior luz brilhe dentro de cada coração. Essa é a que vale realmente!

    Mesmo ausente e ainda assim ficarei por algum tempo,vim apenas deixar meus votos de um Natal maravilhoso e 2016 recheado com tudo que cada um desejar! Por motivos óbvios, trago mensagem colada, mas vale a intenção e desejos!

    beijos, chica

    ResponderExcluir